Receba atualizações no seu Facebook. Basta curtir a nossa página abaixo:

 

O robô ultrarrápido dos Estados Unidos agora corre por conta própria

Ano passado, a DARPA apresentou o Cheetah: um robô que conseguia correr mais rápido que Usain Bolt. Agora, a mesma equipe conseguiu criar uma versão que não precisa de fio, fazendo com que a besta eletrônica consiga correr livre para onde quiser. Tenha medo. Tenha muito medo.

Diga olá para o WildCat, um parente do Cheetah. Este robô é baseado no mesmo design do Cheetah, mas não usa o cabo de energia do antecessor – em vez disso, ele usa um enorme e barulhento motor.

O peso extra significa que ele não chega à mesma velocidade – o Cheetah chegava a 45km/h, enquanto o WildCat atinge apenas 25km/h. Mas isso é mais rápido do que muitos de nós consegue correr. E lembre-se ele consegue se manter nesta velocidade por todo o tempo que seu motor aguentar, o que humanos definitivamente não conseguem.

original (1)

Certamente é rápido o suficiente para te perseguir, e talvez até alcançar, e quem até te matar. Tudo isso sem nenhum fio para atrapalhar. Vamos todos morrer, caras.  [Boston Dynamics via Engadget]

  • DESTAQUES
  • RELACIONADOS
  • POPULARES


ku-bigpic (1)

Como Jeff Bezos fez a Amazon se tornar o tudo de todos o tempo inteiro


cartoes visa mastercard 2

Por que os bancos não querem mais pagamentos em real no exterior – e como isso afeta você


ku-bigpic

11 formas de criar uma relação saudável com a Internet


play services (1)

Por que o Google Play Services agora é mais importante do que o próprio Android


Simulador de ataque de aranhas: uma desculpa para os cientistas torturarem abelhas


Robô que tira sangue da Veebot.

Este robô da Veebot consegue extrair seu sangue


Carro do Google Maps atropela um cervídeo e mostra todo o calvário no Street View


BigDog, o robô quadrúpede, vai pra guerra



Não repare na bagunça: estamos preparando uma série de mudanças no Gizmodo Brasil


Samsung turbina Galaxy Note 3 para manipular testes de desempenho


Nokia Glee pode ser o sucessor do bem-sucedido Lumia 520

Publicado por: Gizmodo - Continue lendo: izmoizmododohttp://feeds.feedburner.com/gizmodobr

Tags: , ,

Fractal Design Core 3000 USB 3.0

Como já destacamos na análise do gabinete Define R4 Branco com Janela, a empresa Fractal Design é de origem sueca, conhecida mundialmente pela qualidade e acabamento de seus produtos, e que começa a ganhar espaço em mercado nacional.

Novamente por intermédio da MegaMamute (uma das empresas que revende a marca no Brasil), recebemos o gabinete Core 3000 USB 3.0, que promete ser uma boa opção para quem procura um modelo de qualidade superior, mas não quer investir muito.

No Brasil o Core 3000 custa em média R$ 360 atualmente, valor cobrado por diversos modelos já consagrados no mercado, o que coloca o gabinete da Fractal Design em uma briga bastante acirrada.

A seguir iremos detalhar o produto analisando e se o mesmo está dentro do que se espera no segmento.

Características
- Suporte a USB 3.0 nas portas frontais;
- Três ventoinhas R2 da série Silent;
- Otimizado para funcionar com múltiplas opções de resfriamento;
- Possui sete slots para ventoinhas (uma de 120mm + uma de 140mm na frente, duas de 120/140mm em cima, uma de 120mm em baixo e uma de 120mm atrás);
- Seis baias de HD pintadas de branco e completas com anéis de isolamento de vibração feitos de silicone – cada baia suporta HDs ou SDDs de 3,5″ ou 2,5″;
- Baia de HD da parte superior pode ser rotacionada ou removida;
- Painel frontal facilmente removível;
- Filtros de poeira para PSU e slots de ventoinha frontais.

Especificações técnicas
- Compatibilidade com placas-mãe ATX, Micro ATX, Mini ITX e DTX
- 7  slots de expansão
- 2 baias de 5.25″
- 6 baias de 3.5″ para HDs, todas compatíveis com SSDs de 2,5″
- 2 slots ODD
- 1 slot  FDD, com conversor para ODD incluso
- Suporta placas de vídeo de até 270mm de comprimento com HDs instalados em todas as baias, e de até 420mm quando a baia superior é removida
- Suporta coolers para CPU com até 160mm de altura
- Suporta PSUs com até 160mm de comprimento quando a ventoinha de 120mm da parte de baixo estiver instalada. Quando a ventoinha não está instalada, suporta PSUs de até 250mm de comprimento
- Filtro de poeira removível abaixo da PSU (PSU não inclusa)
- Dimensões do case (LxAxC): 200 x 444 x 480mm
- Peso 7,9 kg

Interface frontal
- Duas portas USB 3.0 com conector interno e duas portas USB 2.0;
- Entrada (mic) e saída (fones de ouvido) de áudio de 3,5mm;
- Botão desligar com LED;
- Botão reiniciar;
- LED do HD

Para mais detalhes sobre as especificações do gabinete, clique aqui.

Fotos
Abaixo algumas fotos do gabinete, na cor preta sem grandes destaques visuais. Vai agradar quem não gosta muito de formatos diferentes na parte externa, algo característico de vários modelos da Fractal Design, que procura criar gabinetes com bom acabamento e design sem arriscar muito no formato externo.

O Core 3000 USB 3.0 tem linhas retas com grade frontal que quebra o visual as laterais. Na parte superior ele possui saídas de ar para dois FANs de até 140mm, com suporte a um bloco duplo de liquid cooler. A lateral esquerda também possui saída de ar, posicionada sobre o processador.

O material utilizado é bom, mas sem grande destaque. Diferente do R4, o Core 3000 não possui isolamento nas tampas laterais e tem um visual mais robusto ao invés de bonito esteticamente.

Já em se tratando de conexões frontais, ele traz conexão para fone, microfone, 2 x USB 2.0 e também 2 x USB 3.0. Entre as conexões está o LED do HD e botões de Power e Reset.

Tiramos algumas fotos do Core 3000 ao lado do Define R4. Podemos ver que o Core 3000 é um pouco menor, mais baixo e menos largo, consequentemente seu peso final é de 7,9Kg, contra 12,3Kg do Define R4.

Publicado por: Ghttp://adrenaline.uol.com.br/rss/0/0/tudo.xml - Continue lendo: http://adrenaline.uol.com.br/rss/0/23/reviews.xml

Tags: , ,

Melhor erro 404 da história faz homem se tornar trilionário temporariamente

Por algumas horas, um sortudo morador do Texas, nos Estados Unidos, se tornou o primeiro trilionário do mundo. E ele deve isso ao que deve ser o melhor erro 404 de todos os tempos.

Reggie Theus (não é o técnico de basquete) estava casualmente checando sua conta quando percebeu algo diferente – a adição de nove dígitos geralmente ausentes à esquerda do ponto decimal. Theus explicou à KLTV “eu fiquei surpreso quando olhei para a minha conta e vi tanto dinheiro”. Apostamos que ficou mesmo, cara.

E como novo garoto-propaganda de uma história moderna de Cinderela, Theus decidiu usar a sua nova riqueza para pagar a dívida dos EUA. Não, é sério. Esse era o plano dele. Infelizmente toda a sua fortuna era composta por uma mensagem de erro gigante.

Sim, por mais chocante que pareça, Theus não ficou trilionário de uma hora para outra com uma fortuna de US$ 4.040.404.040.404,04. Na verdade, o banco bagunçou tudo. Durante uma atualização do online banking, uma falha fez com que Theus chegasse à mais sensacional mensagem de erro 404 da história, e, com ele, uma nova esperança para o futuro dos Estados Unidos. Infelizmente não passava de uma grande mentira. [The Daily Mail]

ku-xlarge (1)

 

  • DESTAQUES
  • RELACIONADOS
  • POPULARES


ku-bigpic (1)

Como Jeff Bezos fez a Amazon se tornar o tudo de todos o tempo inteiro


cartoes visa mastercard 2

Por que os bancos não querem mais pagamentos em real no exterior – e como isso afeta você


ku-bigpic

11 formas de criar uma relação saudável com a Internet


play services (1)

Por que o Google Play Services agora é mais importante do que o próprio Android


Experiência de ver os Blue Angels por dentro do cockpit deveria incluir saco de vômito


Novo iPad.

Descontinuado, iPad de terceira geração recondicionado passa a ser vendido por US$ 379 nos EUA


160agassi

Andre Agassi mostrou uma foto da Steffi Graf pelada no seu celular para alavancar um leilão


hovercraftrussia

Um enorme hovercraft militar apareceu em uma praia lotada na Rússia



Não repare na bagunça: estamos preparando uma série de mudanças no Gizmodo Brasil


Samsung turbina Galaxy Note 3 para manipular testes de desempenho


Nokia Glee pode ser o sucessor do bem-sucedido Lumia 520

Publicado por: Gizmodo - Continue lendo: izmoizmododohttp://feeds.feedburner.com/gizmodobr

Tags: , ,

Friday Freebies: ’8 Ball Pool’, ‘Bouncy! Trampoline’, ‘Dark Nebula HD’, ‘Kid Tripp’, ‘Rage Warriors’ and ‘SlamBots’

It’s Friday and we’re getting ready to kickoff the weekend, and what better way to do that than with a bunch of cool games that are currently available for free. The App Store is host to constant price drops and freebies, but here’s a list of some of the more recent ones that have caught our eye.

8 Ball Pool

Miniclip are the masters of simple, quirky game experiences that feel right at home on mobile. 8 Ball Pool is their spin on, well, pool that features a focus on competitive multiplayer and a level ranking system that ensures you’ve always got somebody challenging to play. This is the first time the game’s gone free since its release in February, and as it’s already shot up to the top of the charts, there should be no shortage of online competition.


Bouncy! Trampoline

This deceptively simple game hooked me pretty hard when I talked about it back in May, and it’s been a staple in my daily rotation ever since. The latest update to Bouncy! added a whole bunch of new trampolines to unlock and new trick goals to complete. There’s also a whole new customization system that lets you buy new outfits and items for your adorable wittle wabbit.


Dark Nebula HD – Episode One

The Dark Nebula series is among the best “ball rollers” since even the early days of the App Store. The IP went through some ups and downs since then, and ultimately the original Dark Nebula games were re-released earlier this year with full visual upgrades and all the modern features of iOS and current devices. This is the first time the re-released edition of Episode One has been free, so jump on it, and if you crave even more then be sure and check out Episode Two [$2.99] as well.


Kid Tripp

If you like super difficult games, you’re going to want to download this right away. Kid Tripp is a hybrid of auto-runner and platformer, but feels more along the lines of a traditional platformer. It’ll take sheer precision and timing to avoid the obstacles, take out enemies, and make your way through each of its bite-sized levels, and expect to die and retry many, many, many times over. The real brilliance of Kid Tripp is the ability to manually sprint, which can really change up the timing of the game and makes it perfect for competitive speed running fans.


Rage Warriors

This is a weird game since I’m not sure if I like it or not. It’s a fighting game that tries a few new things to make the genre work better on a touchscreen device, and it both succeeds and fails at it in different ways. I do really like the characters and environments in the game, and overall it has a really cool theme. The mechanics take a bit to get warmed up to, but before you know it you’ll be slashing and bashing your way around like a pro. I’m just not sure if it has the depth or lasting power that other fighting games do, but for free, and if you can spare the space on your device, it’s definitely worth a look.


SlamBots

Taking inspiration from Happy P’s Revenge [Free] which stars an adorable, umm, poo, SlamBots utilizes the same “bounce around and slam down on enemies” mechanics but fleshes things out with cool powerups and various slamming robots. This is one of those games that is played easily with just one hand and is perfect for busting out at a moment’s notice to kill some time. Also, I much prefer playing with awesome pixely robots as opposed to adorable fecal matter, but that might just come down to your own personal preference.

Publicado por: TouchArcade - Continue lendo: http://toucharcade.com/feed/

Tags:

Fotos com timing perfeito fazem aviões parecerem rumar ao Sol ou à Lua

O turismo espacial parece ser a nova mania entre os ricaços: supostamente, Brad Pitt, Justin Bieber e até Stephen Hawking já compraram suas passagens para os primeiros voos espaciais comerciais da Virgin Galactic no ano que vem. No entanto, vai demorar um pouco até que portos espaciais fiquem tão movimentados quanto o aeroporto de Guarulhos em dia de chuva.

Essa realidade parece bem menos distante com estas imagens do fotógrafo francês Sebastien Lebrigand. Elas capturam os aviões como se estivessem rumando ao Sol ou à Lua. O efeito é uma distorção estranha de escala e perspectiva: parece que são fotos de viagens galácticas em andamento, mesmo que totalmente improváveis.

Lebrigand diz que são necessários “vários dias de espera” para conseguir o timing certo. Ele usa um telescópio Vixen 114/600 (foto abaixo), refrator i-NOVA 102/660 e uma câmera Canon EOS 500D para tirar fotos, mais o software XnView para cortá-las e ajustar o contraste. Ele nos diz que “a dificuldade em tirar este tipo de foto me agrada”. Ela também nos agrada, Sebastien. [Laughing Squid]

fotos avioes sol lua (2)

fotos avioes sol lua (3)

fotos avioes sol lua (4)

fotos avioes sol lua (5)

fotos avioes sol lua (6)

fotos avioes sol lua (7)

fotos avioes sol lua (8)

  • DESTAQUES
  • RELACIONADOS
  • POPULARES


ku-bigpic (1)

Como Jeff Bezos fez a Amazon se tornar o tudo de todos o tempo inteiro


cartoes visa mastercard 2

Por que os bancos não querem mais pagamentos em real no exterior – e como isso afeta você


ku-bigpic

11 formas de criar uma relação saudável com a Internet


play services (1)

Por que o Google Play Services agora é mais importante do que o próprio Android


TS3 mini

[Hands-on] Torturamos a Panasonic Lumix TS3


Tripé musculoso para câmeras pesadas


Panasonic Lumix GF6 (3)

Hands-on vazado revela nova câmera Panasonic Lumix GF6 voltada para iniciantes


Novo Nintendo DS com câmera e tocador de música ainda neste ano



Não repare na bagunça: estamos preparando uma série de mudanças no Gizmodo Brasil


Samsung turbina Galaxy Note 3 para manipular testes de desempenho


Nokia Glee pode ser o sucessor do bem-sucedido Lumia 520

Publicado por: Gizmodo - Continue lendo: izmoizmododohttp://feeds.feedburner.com/gizmodobr

Tags: , ,